quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Impossível acreditar que esse curta-metragem foi realizado com um celular.



O curta-metragem espanhol "The Fixer" do diretor Conrad Mess, impressiona pelo brilhantismo, direção, idéia e concepção.
O filme é todo narrado ("Meu nome é Frank Porter, e esta é minha história") pelo personagem principal e que explica passo-a-passo a violência brutal que aconteceu no galpão abandonado. 
Mr.Frank Porter vai preenchendo as lacunas deixadas durante o tempo do curta e até o ultimo segundo ainda tem alguma surpresa.


Fotos adicionais do filme.




5 comentários:

Militantes da CAIL disse...

Esse vídeo é uma prova de que falta de recursos não pode ser desculpas para não se fazer um bom trabalho.
Valeu muito conferir.
suas postagem sempre são muito boas, assim como seu blog.

Paulo Avelino disse...

Até os cinco minutos, excetuando-se a maquiagem pesada dos bandidos, era um filme de estética hollywoodiana com o charme adicional de sua câmera ser pouco potente. A partir de então saiu um pouco da estética naturalista. Como estou interessado em críticas a essa estética, o filme me encantou mais...

E concordo com o comentário acima, sobre a falta de recursos não ser motivo.

Anônimo disse...

Thanks guys, I'm Conrad Mess, I love you like it, BTW I'm sending this from Hollywood, I'm preparing my new movie for an american producer ;)
Thanks for your words

Evelyn Torres disse...

O filme impressiona muito e incentiva o pessoal a buscar recursos inimagináveis para produzir. Mas convenhamos, pode até ter sido gravado com um celular, mas a pós e a edição que são a cereja desse bolo a dá força à gravação.

Mirian disse...

O filme tem referências ao laranja mecânica nos personagens principais. Mais a história, edição e efeitos ficaram sensacionais! Essa é a prova que dá pra produzir muita coisa boa com um celular.
Parabéns a quem fez!

Postar um comentário